Arquivo da categoria: tecnologia

Universo do Twitter e seus 140 usuários mais influentes

Rubens Barrichello e Paulo Coelho? Esses são os brasileiros listados entre os 140 twitters mais influentes na rede. Tem também Britney Spears, Mariah Carey e Kim Kardashian! @aplusk, for sure, e sua esposa Mrs Kutcher. Eu estava preconceituosamente deletando o meu perfil quando achei no gráfico Kevin Smith e Allain de Botton, e lutando contra o pdf pude ver a seleção por categorias: entretenimento, tecnologia, intelectuais, esportes, humor… Rubinho está em humor:-).
É tempo de Copa, mas futebol por ali só com Real Madrid. De business, Starbucks e Jet Blue – perfil dos usuários ou plataforma de comunicação bem usada? Repensei a necessidade de manter como RSS e bookmark sites da Wired, TechCrunch, etc, eu poderia só segui-los. Pra mim Twitter é uma forma de manter-se conectado, e igualzinho ao início dos tempos: cada um com seu cada qual…

“Quando o Twitter começou, eram 3 os usuários mais importantes – Biz Stone, Evan Williams e Jack Dorsey, não por acaso, seus fundadores. Em um gráfico no estilo ‘como o universo surgiu’, a agência de design Information Architects mostra quem são os mais influentes, quando começaram a tuitar (o que determina o quão próximo do centro eles estao) e quais foram suas 1as palavras no microblog. O tamanho do ‘planeta’ é proporcional ao número de seguidores. Vc pode baixar o PDF com o mapa aqui”

BlueBus

Anúncios

Google lança TV e revoluciona o mercado

Depois de ler veio na minha cabeça um Larry Page impaciente perguntando: quer que desenhe? Olha o desenho primeiro, depois lê. A não ser que você tenha menos de 20 anos ou seja bem nerd. No ofense.

“O Google correspondeu às expectativas e confirmou nesta quinta-feira (20) o seu sistema de TV, durante a conferência para desenvolvedores I/O, em San Francisco, nos Estados Unidos. O mercado em que a companhia está investindo é o maior do mundo, com 4 bilhões de consumidores e investimento publicitário equivalente a US$ 70 bilhões por ano.
Enquanto as fábricas de televisores correm contra o tempo para colocar no mercado modelos com tecnologia em terceira dimensão, o Google jogou todas na parede com o seu lançamento, que acaba com a passividade na relação entre TV e espectador. “Vídeo deve ser consumido na maior, melhor e mais brilhante tela na sua casa, que é a TV”, disse a companhia, de acordo com o blog Engadget.
A ideia primária é simples. O sistema levará comandos da internet para a tela principal da casa, feito, inclusive, já realizado pelas principais fábricas. O que torna a iniciativa diferente é o nível de interação alcançado através da nova experiência, que integrará a programação da TV e a web.
Se quiser pesquisar determinado filme ou seriado, o telespectador terá retorno tanto da rede quanto da programação televisiva – dos canais FOX e USA e dos sites Fox, Hulu e Amazon, todos dos Estados Unidos. “Para usuários, não importa de onde o conteúdo venha. Eles querem apenas que seja rápido e conveniente”, disse o gerente de produto do Google, Rishi Chandra. O conteúdo ainda poderá ser gravado por meio do sistema DVR.
O usuário também poderá personalizar o conteúdo da telinha. No evento, Chandra fez uma demonstração e usou seu filho como exemplo, colocando em destaque alguns personagens do seriado infantil Vila Sésamo. O recurso possibilita ao usuário se centrar apenas nos personagens preferidos, com intermédio do site oficial do programa em questão.
Outro recurso de personalização atingirá os amantes do esporte. Com o Google TV, é possível que, durante uma partida, se consulte a tabela de resultados pelo browser. A tela da TV se transforma em um sistema operacional, com janelas em primeiro e segundo planos, o que, para Chandra, “é apenas uma ferramenta simples”. A tela inicial mostra todo conteúdo favorito do usuário, além de aplicativos que serão lançados em parceria com a Amazon e a NetFlix.

Etc.
Além do anúncio do Google TV, foram confirmadas as parcerias com Sony e Intel, que responderão pelo televisor e pelo processador Atom, respectivamente. E a parceria com a Logitech, o box do sistema que integrará a TV à internet – função essa que dependerá do sistema operacional do gigante de buscas, o Android.
A previsão do Google é que os 3 mil desenvolvedores participantes da conferência se disponham a desenvolver conteúdo e aplicativos para a nova plataforma.
O hardware que será comercializado terá conexão Wi-Fi e entrada para cabo de TV ou satélite – que será conectado à caixa de TV do Google por HDMI”.
Fonte: Adnews

Veja como vai ser uma revista especialmente feita para o iPad

Quer ter uma idéia de como podem ser as revistas num futuro próximo? Assista ao vídeo abaixo para ver uma edição da Viv Mag totalmente em movimento, desenvolvida para tablets como o iPad.

Blue Bus

 Achou incrível? Dá uma olhada em como é feito:

Fandango Begins Rolling Out Mobile Tickets That Let Moviegoers Go Paperless

Waiting in line for movie tickets is still the worst part of going to the movies (unless you are going to see The Bounty Hunter). With so many mobile phone movie apps, it’s easy to find what’s playing at nearby theaters and even purchase tickets right from your mobile phone, but then you still have to get a paper ticket from the dispenser or the ticket agent. But your ticket could easily be delivered to your mobile phone via a 2D barcode.

Today, Fandango is launching a mobile ticket program in eight cities which lets moviegoers finally go paperless. Your ticket is delivered to your mobile phone in the form a of a 2D barcode, or QR code, which the ticket-takers can scan. Movie theaters need to equip their attendees with special scanners, which is why it is only available in a few markets.

Mobile Crunch

Sky e LG levam transmissões 3D para pubs ingleses

A Sky comprou 15 mil TVs da LG com tecnologia 3D  para oferecer canais exclusivos com conteúdo esportivo em 3D para pubs no Reino Unido.

O plano da Sky é instalar TVs em locais púbicos para transmitir o Campeonato Inglês de Futebol em 3D. Em janeiro foram feitos os testes de transmissão, durante a partida entre Arsenal e Manchester United, em nove pubs.Visitantes em Londres, Manchester, Cardiff, Edimburgo e Dublin receberam óculos especiais para assistir à transmissão.

A tecnologia Sky 3D estará disponível os consumidores do pacote Sky HD ainda neste ano, com uma série de conteúdos.

Adnews

Crimsonfox: Augmented reality-powered scavenger hunt in Tokyo

Augmented Reality is a pretty hot topic currently, but it seems to me that the Japanese in particular have really embraced the concept of mixing the real world with computer-generated imagery and data. One case in point is the Crimsonfox project ,an “Alternative Reality” scavenger hunt game event that took place over the weekend in Tokyo, Japan.

The main idea here was to use a tailor-made augmented reality app on the iPhone (which is only available in the Japanese App Store) in a mass-player game in the real world.

And over 200 players showed up in flesh and blood on the day of the event, all equipped with iPhones. Using said app, GPS and the built-in compass of the 3GS, players ran around in the city looking for hidden (physical) hints to find the real-world hideout of a “secret society called Moonlights”.

Players were able to “scan” hints they found with their iPhones, for example a graphic printed on a piece of paper somewhere. The app would then verify the hint by superimposing an emblem over the image on the iPhone camera, give away points for finding the right hint and then lead players to the next part of the game.

The Crimsonfox project was watched by a total of 7,000 people live online.

CrunchGear.com

Se você também não entendeu nada, tente o vídeo😉

‘Localizaçao’ é o assunto numero 1 do SXSW

Depois de 3 dias de festival e mais de 120 apresentaçoes realizadas, fica evidente o que atrai mais de 15 mil pessoas para Austin todos os anos. Só aqui você pode assistir no mesmo evento algo totalmente business como cases de social media de bancos e palestras de comportamento e cultura, como o impacto da paquera 2.0 nos escritórios. Nos últimos anos o festival acabou assumindo o papel de lançar tendências, trazendo novos serviços e ferramentas digitais. Foi aqui que o Twitter, em 2007, deu a partida e virou mainstream.

Este ano ficou claro que a bola da vez sao serviços baseados em ‘localizaçao’. O mais famoso deles, o Foursquare*, foi lançado aqui ano passado. Permite a vc fazer um check-in do local onde está e compartilhar esta informaçao com seus amigos. Apesar de serem promessa há anos, só agora as condiçoes permitem que seu uso comece a se massificar – cels com GPS conectados todo tempo na web somados ao uso massivo de redes sociais. 

Importante – O próprio Twitter lançou para um grupo de usuários de testes seu próprio serviço de localizaçao. Para demonstrar o potencial da ferramenta, foi disponibilizada uma página na qual você pode acompanhar onde estao neste momento os funcionários do Twitter que participam do SXSW – veja em http://sxsw.twitter.com/

Marcelo Tripoli, no Blue Bus

Sobre o Fousquare: People use foursquare to “check-in”, which is a way of telling  your whereabouts. When you check-in someplace, Foursquare tell your friends where they can find you and recommend places to go & things to do nearby. 

Foursquare keep track of the things you’ve done, help you create To-Do lists and even suggest new experiences to seek out.  As you check-in around the city, you’ll start finding tips that other users have left behind. After checking-in at a restaurant, it’s not uncommon to unlock a tip suggesting the best thing on the menu. Every foursquare checkin earns you points.  you’ll start unlocking badges. There are badges for discovering new places and for traveling to far away places.